sexta-feira, 16 de junho de 2017

Ataque à mesquita xiita em Cabul deixa pelo menos 6 mortos

Pelo menos seis pessoas morreram e outras oito ficaram feridas nesta quinta-feira em um ataque causado por um terrorista suicida a uma mesquita xiita em Cabul, no Afeganistão, num dia do mês sagrado do Ramadão com grande presença nos centros islâmicos de oração.

Um agressor se matou por volta das 20h55 (horário local, 13h25 em Brasília) na cozinha da mesquita Al Zahra, no oeste da capital afegã, após uma breve troca de tiros com a Polícia, que fazia a segurança do local, disse à Agência Efe o porta-voz da corporação de Kabul, Basir Mujahid.

As forças de segurança bloquearam a passagem de dois insurgentes que pretendiam entrar na mesquita para detonar os seus explosivos entre os fiéis, o que causou um confronto e os levou a se entrincheirar na cozinha, detalhou a fonte. "Em 15 minutos um agressor foi abatido pela Polícia e o segundo detonou os seus explosivos na cozinha", explicou Mujahid.

A fonte disse que um policial, três civis e os dois agressores morreram no ataque, em que também oito pessoas ficaram feridas, metade agentes e os demais fiéis.

O chefe de Governo afegão, Abdullah Abdullah, condenou no Twitter o ataque e afirmou que "atacar muçulmanos em oração dentro de uma mesquita no mês sagrado de Ramadã vai contra toda fé, religião e crença".

O ataque aconteceu no 20º dia do Ramadã, durante o qual sunitas e xiitas vão em grande número às mesquitas e templos. Os talibãs se desvincularam do ataque através de uma mensagem de seu porta-voz Zabihullah Mujahid na sua conta do Twitter em que afirmou que "nunca" atacam mesquitas.

Os atentados contra a minoria xiita são comuns no país asiático, como o que aconteceu em julho passado contra uma manifestação da minoria xiita hazara reivindicado pelo Estado Islâmico, que causou 85 mortos e 400 feridos.



via @Verdade - Últimas http://ift.tt/2rCVnxx

Related Posts by Categories



0 comments:

Enviar um comentário