quarta-feira, 18 de julho de 2018

Lugar deixado por Venâncio Mondlane já está preenchido na AR

O assento vago na Assembleia da República (AR), em consequência da renúncia de mandato pelo deputado dissidente do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), Venâncio Mondlane, foi preenchido por Alcinda da Conceição, membro da Comissão Política Nacional deste partido e já foi parlamentar na VII legislatura.

Venâncio Mondlane, que chegara ao Parlamento pelo círculo eleitoral de Maputo, abandonou o “galo”, com efeitos imediatos, por alegada “incompatibilidade e constrangimento” para continuar a desempenhar as funções que lhe foram incumbidas “de acordo com os nobres interesses do povo moçambicano”.

Alcinda da Conceição é membro da Comissão Política do partido liderado por Daviz Simango. Nas eleições gerais (presidenciais e legislativas) e das assembleias provinciais de 2014, no circulo eleitoral da capital do país, havia 16 mandatos, dos quais a Frelimo elegeu 11 deputados, a Renamo três e o MDM dois assentos.

Para os dois mandatos do “galo” foram eleitos Lutero Chimbirombiro Simango e Venâncio Mondlane, tendo Alcinda da Conceição ocupado a posição três.

Ao @Verdade, ela disse que é doutorada em negócios estrangeiros.



via @Verdade - Últimas https://ift.tt/2uND10v

Related Posts by Categories



0 comments:

Enviar um comentário