domingo, 2 de julho de 2017

Liga dos Campeões Africanos: golaço de Chelino não chegou para o Ferroviário da Beira ...

Foto do Clube Ferroviário da BeiraUm golaço de Chelito Omar deu vantagem ao Ferroviário da Beira, na partida da 5º jornada do grupo A da Liga dos Campeões Africanos em futebol, contudo o Étoile Sportive du Sahel acabou por empatar e garantir o seu apuramento para os quartos-de-final. “Mas nada acabou, não está hipotecado nada. Nós neste momento temo 5 pontos e que uma das equipas do Sudão vai jogar a Tunísia e nós vamos jogar com a outra, e se ganharmos estamos lá”, prognosticou o novo treinador dos campeões moçambicanos.

Quiçá ainda ensobrandos com a goleada sofrida na estreia da “Champions” africana mesmo a jogarem num lotado “caldeirão” do Chiveve os “locomotivas” voltaram a iniciar a partida no passado sábado(01) com algum nervosismo. Sem cerimónias os tunisinos assumiram o comando da partida todavia nunca chegaram a criar verdadeiro perigo para a baliza de Willard.

Os agora pupilos de Rogério Gonçalves só conseguiram chutar pela primeira vez na direcção da baliza de Achraf Krir perto da meia hora, e a bola passou muito ao lado.

Depois do descanso o Ferroviário regressou com outra garra, subiram no relvado e empurrados pelo seu público começaram a impor o seu jogo aos tunisinos. Com a ausência do seu goleador Dayo, lesionado, Chelito Omar começou a mostrar o seu futebol, numa arrancar pelo flanco direito trocou às voltas o defensor tunisino mas o centro saiu para as mãos do guarda-redes adversário.

No minuto 71, servido por Agida, Chelito recebeu à entrada da grande área na passada ajeitou e depois de tirar as medidas ao guarda-redes Achraf Krir fez-lhe um chapéu num remate cruzado com em jeito com o pé direito. O “caldeirão” explodiu de alegria.

Mas a experiente equipa da Tunísia quase não acusou o golo e veio a procura do empate, 11 minutos depois do golo moçambicano, numa jogada de insistência, Nhambombe acabou por fazer falta sobre um adversário e o árbitro do Mali, Mahamadou Keita, não hesitou em assinalar falta e a respectiva grande penalidade.

Willard ainda adivinhou o lado para onde Slim Ben Belgacem chutou forte mas não conseguiu manter as suas redes invioladas.

O Ferroviário depois tentou o tudo por tudo nos minutos que antecederam o apito final mas o marcador não voltou a alterar-se.

Com o ponto conquistado na Beira o Étoile Sportive du Sahel carimbou o seu apuramento para os quartos-de-final da “champions”.

Ferroviário precisa de vencer Al Hilal e esperar derrota do El Merreikh

Rogério Gonçalves, que substituiu Aleixo Fumo no comando dos “locomotivas”, disse na conferência de imprensa que se seguiu a partida estar agradado com os seus jogadores, “(...)já fizemos cruzamentos, contrariamente ao jogo anterior, já chutamos para a baliza, já estivemos a jogar mais perto da baliza contrária com uma equipa forte, e com tão pouco tempo de trabalho eu fico contente, estou triste com o resultado. Mas nada acabou, não está hipotecado nada”.

“Nós neste momento temo 5 pontos e que uma das equipas do Sudão vai jogar a Tunísia e nós vamos jogar com a outra, e se ganharmos estamos lá. Não vai ser fácil porque desta equipa três titulares já não vão jogar, os dois centrais mais o Fabrice, e ainda o Dayo, estamos a falar de só quatro titulares, quase 50% da equipa. Mas como vocês viram temos gente muito boa, e não vamos atirar a toalha ao chão”, acrescentou o treinador português que no entanto esqueceu que além de vencer Al Hilal, já no próximo dia 7, tem que contar com uma vitória do Étoile Sportive du Sahel sobre o El Merreikh.

É que o El Merreikh nesta jornada derrotou o Al Hilal e assumiu o 2º lugar do grupo A com mais 2 pontos do que o Ferroviário de Maputo.


CLUBES J V D E BM BS P
Étoile Sportive du Sahel 5 2 0 3 10 4 9
El Merreikh 5 2 2 1 6 6 7
Ferroviário da Beira 5 1 2 2 3 8 5
Al-Hilal 5 0 1 4 4 5 4

Para a história fica já a honra do nosso campeão que cumpriu parte da sua obrigação na estreia nesta que é a mais importante prova de clubes de África ao não perder nenhum dos jogos realizados em Moçambique.

Eis os resultados completos da 5ª jornada:

Grupo A

El Merreikh (Sudão) 2-1 Al Hilal (Sudão)

Ferroviário da Beira (Moçambique) 1-1 Etoile du Sahel (Tunísia)

Grupo B

Ahly Tripoli (Líbia) 1-1 USM Alger (Argélia)

Caps United (Zimbabwe) vs Zamalek (Egipto)

Grupo C

Saint George (Etiópia) 0-1 Mamelodi Sundowns (África do Sul)

AS Vita (RD Congo) 2-2 Esperance (Tunísia)

Grupo D

Zanaco (Zâmbia) 0-0 Al Ahly (Egipto)

Coton Sport (Camarões) 0-2 Wydad Athletic Club (Marrocos)



via @Verdade - Últimas http://ift.tt/2shKfrd

Related Posts by Categories



0 comments:

Enviar um comentário