quarta-feira, 25 de julho de 2018

Somalis detidos em Maputo na posse de vários documentos falsos

A Polícia da capital moçambicana deteve, esta quarta-feira (25), numa residência, cinco cidadãos de nacionalidade somali, acusados de posse ilícita de documentos de identificação e permanência ilegal no país.

Na posse dos visados, com idades que variam de 25 a 49 anos, e surpreendidos no bairro do Alto-Mae, as autoridades apreenderam dois passaportes e igual número de cartas de condução.

Foram ainda confiscados 84 cartões de identificação de requerente de asilo contrafeitos, 120 fotografias do tipo passe e 130 cópias de pedido de passaportes, segundo Leonel Muchina, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Maputo

O grosso destes documentos são falsos, disse a fonte, ajuntando que os mesmos foram produzidos por um moçambicano, cujo paradeiro era desconhecido até ao fecho desta edição.

A corporação presume que os somalis tenham se dirigido à referida casa com o intuito de obter documentos através dos quais se identificariam, pese embora fossem contrafeitos.

Saliente-se que as autoridades moçambicanas, em particular o Serviço Nacional de Migração de Moçambique (SENAMI) tem-se mostrado preocupada com a prevalência de estrangeiros que procuram passaportes e outros documentos de identificação recorrendo a vias fraudulentas.



via @Verdade - Últimas https://ift.tt/2LrehXa

Related Posts by Categories



0 comments:

Enviar um comentário